Limpeza dos ribeirões: ação previne risco de enchentes em época de chuva

No Rating

Para minimizar o risco de enchentes na cidade, a Prefeitura de Itajubá tem feito ações preventivas, como a limpeza das margens e do fundo dos ribeirões (desassoreamento), entre outras medidas.

Do ribeirão Anhumas, por exemplo, a Secretaria Municipal de Obras (SEMOB) retirou, em 2015, mais de 180 caminhões de barranco e baquearias. A calha do ribeirão em sua extensão urbana vai da avenida Tancredo de Almeida Neves até a praça do Jacaré, no bairro Medicina. A Prefeitura também diminuiu os risco de transbordamento do manancial com a instalação de aduelas no ponto onde o curso d’água passa sob a BR- 459 e depois deságua no Rio Sapucaí.

Outra ação preventiva importante foi a limpeza e a abertura da calha dos Ribeirões Água Preta e Piranguçu. O objetivo da abertura da calha é evitar transbordamentos nos bairros Moquém, Piedade, Rebourgeon, Jardim das Colinas, Açude e Distrito Industrial, protegendo também o aeroporto que está em construção. A obra foi feita em uma extensão total de 4.600 metros, que compreende toda a extensão do ribeirão dentro do município de Itajubá, começando pelo bairro Moquém e seguindo até o ponto onde ele deságua no Rio Sapucaí. O ribeirão passou a ter 12 metros de largura.

Desassoreamento do ribeirão Piranguçú, em trecho próximo ao bairro Piedade

Limpeza das margens do ribeirão Anhumas favorece o escoamento da água em época de cheia

Ribeirão Água Preta também recebe manutenção

Medidas preventivas ajudam a evitar o transbordamento dos ribeirões